A Fundação

A Fundação

Diante de um passado marcado por transformações – até mesmo em virtude das duas guerras mundiais –, a Associação Escolar que mantinha o Colégio Visconde de Porto Seguro começou, em 1951, a refletir sobre a vulnerabilidade de sua figura jurídica. Quatro anos depois, converteu-se em uma fundação. A assembleia, realizada em 31 de março desse ano, sancionou a mudança e elegeu a primeira diretoria da Fundação Visconde de Porto Seguro.

 

Mas qual é o papel da Fundação? Trata-se de uma entidade sem fins lucrativos, que desenvolve atividades educacionais, sociais e culturais voltadas para grupos de baixa renda. Por substituir o Estado em algumas de suas obrigações, goza de imunidade tributária. Em contrapartida, tem deveres legais. A Instituição deve empregar 20% de sua receita em gratuidades, como concessão de bolsas de estudo, alimentação, uniforme e material escolar.

 

Aqui no Porto, os benefícios são concedidos por meio da Escola da Comunidade, projeto que transforma realidades, formando cidadãos capazes de fazer do mundo um lugar melhor – missão primordial do Colégio.